1034

31 Jul 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Entrevista ao i
PS apresenta-se renovado e com capacidade de inovação
AUTOR

Rui Solano de Almeida

DATA

03.08.2015

FOTOGRAFIA

Clara Azevedo

PS apresenta-se renovado e com capacidade de inovação

António Costa não tem dúvidas que as listas do PS para a Assembleia da República, apresentam um partido renovado na sua pluralidade e com uma enorme capacidade de atração e de inovação na vida política.

 

Na entrevista que deu ao Jornal I, o Secretário-geral do PS garante que, como primeiro-ministro, tudo fará para “modernizar a estrutura do Governo”, ajudando a otimizar as sinergias de um conjunto de políticas que “têm uma natureza transversal” e que precisam de ser geridas e postas em prática por um ministro, “também ele com competências transversais”.

E dá alguns exemplos: o Desenvolvimento Regional, o Mar e a Simplificação Administrativa. Três exemplos, diz António Costa, que são áreas que o país precisa, e a boa coordenação governativa aconselha, que possam ser organizadas e administradas por ministros com competências transversais a políticas que envolvem e implicam, como recorda, a “negociação entre diferentes ministérios”.

António Costa lembra que o PS, na elaboração das suas listas para a Assembleia da República, “teve o mérito” de ao apostar na renovação, de atrair personalidades que ou estavam há muitos anos afastadas da vida política e agora” voltam pela mão do PS”, ou que estavam afastadas do partido, “pelas mais variadas razões”, ou mesmo que nunca tinham tido atividade política e que hoje concordaram em integrar as listas do Partido Socialista.

Um processo totalmente inverso ao que se passa com as listas da coligação de direita, realça o líder do PS, onde se verificam inequívocos “sinais do estado de decomposição da actual maioria”, que foi incapaz de mobilizar quem quer que seja para as suas listas. Nem sequer os ministros que menos mau desempenho tiveram nesta governação conseguiram ser mobilizados para as suas listas.

AUTOR

Rui Solano de Almeida

DATA

03.08.2015

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019