1086

13 Nov 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

REFUGIADOS
Portugal e Europa devem ter resposta integrada para crise
AUTOR

Mary Rodrigues

DATA

15.10.2015

FOTOGRAFIA

Jorge Ferreira

Portugal e Europa devem ter resposta integrada para crise

O país tem condições para acolher refugiados dada a atual crise, mas as instituições europeias devem zelar pela receção ordenada de pessoas e prever soluções de longo prazo, defendeu o deputado socialista Vitalino Canas à saída do encontro com o primeiro-ministro, Passos Coelho, em Lisboa.

 

O encontro visou a preparação da reunião do Conselho Europeu que tem lugar em Bruxelas.

Ao lembrar que “a Europa tem valores e um dos que defende desde sempre é o da solidariedade”, Vitalino Canas fez questão de salientar que “para todos aqueles que necessitam de assistência internacional devido a problemas nos respetivos países, devido a problemas políticos, de guerra, de perda dos seus modos de vida, habitações, Portugal e a Europa devem ter uma resposta holística”.

Recorde-se que a Comissão Europeia indicou que Portugal deverá receber os primeiros refugiados, provenientes de Itália, na próxima semana, na sequência do compromisso assumido pelos 28 Estados-membros a 23 de setembro.

“Portugal tem todas as condições para acolher todos os refugiados que for necessário recolher nesta circunstância”, afirmou, convicto, o deputado do PS, acrescentando que “a Europa tem de ter também uma solução de longo prazo porque este problema vai manter-se durante alguns anos”.

“E essa solução passa por cobrir as várias dimensões: o acolhimento adequado, ordenado – tem de haver vias de entrada ordenada, para registo e encaminhamento, tem de haver o aligeiramento da pressão de alguns países da orla sul (Itália, Grécia, Chipre)”, alertou ainda Vitalino Canas.

AUTOR

Mary Rodrigues

DATA

15.10.2015

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019