1045

16 Set 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

compromisso socialista
PS vai repor cláusula de salvaguarda do IMI
AUTOR

J.C. Castelo Branco

DATA

09.03.2015

FOTOGRAFIA

Jorge Ferreira

PS vai repor cláusula de salvaguarda do IMI

O PS, como já referiu o seu secretário-geral António Costa, pretende repor, quando for governo, a cláusula de salvaguarda do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) que limita até 75 euros o aumento anual desta contribuição, impedindo assim aumentos insuportáveis e inesperados, que nalguns casos podem chegar aos 500%.

 

Este compromisso socialista foi reafirmado hoje pelo deputado Ramos Preto em declarações aos jornalistas na Assembleia da República, onde afirmou ser “trágico que as famílias sejam confrontadas com esta verdadeira bomba-relógio que neste mês de março lhes entra pela casa dentro”, numa alusão ao aumento esperado do valor do IMI, no primeiro ano em que não é aplicada esta cláusula de salvaguarda.

Ramos Preto relembrou que o PS pediu a prorrogação da cláusula de salvaguarda em 2013 e 2014, acusando PSD e CDS de fazerem “orelhas moucas” e não quererem aprovar a continuação deste travão, que permitiria contrariar os efeitos nefastos do aumento drástico deste imposto.

O deputado do PS sublinhou também que esta realidade só não é mais grave, porque “houve um vasto conjunto de municípios, como Lisboa, que, no quadro dos poderes que resultam da autonomia do poder local, tiveram consciência da brutalidade deste aumento do IMI para milhares de famílias portuguesas e aplicaram a taxa mínima”.

“Temos de aguardar por um novo governo e com este compromisso solene do nosso secretário-geral de que efetivamente a cláusula de salvaguarda do IMI será reposta no próximo Orçamento de Estado de 2016”, reiterou Ramos Preto.

 

500%

É a percentagem de aumento do IMI que pode resultar nalguns casos, com o fim da cláusula de salvaguarda deste imposto, conforme noticiam hoje em manchete o “Diário de Notícias” e o “Jornal de Notícias”

AUTOR

J.C. Castelo Branco

DATA

09.03.2015

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019