1107

12 Dez 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

PS aprova listas de candidatos com mais de 46% de mulheres efetivas
Afirmação de unidade, renovação e confiança

Afirmação de unidade, renovação e confiança

O PS aprovou ontem, em Comissão Política Nacional, a lista de candidatos a deputados para as próximas eleições legislativa de 6 de outubro, em que mais de 46% dos seus efetivos são mulheres, cumprindo assim uma premissa há muito defendida pelos socialistas.

 

A Comissão Política Nacional do PS esteve ontem à noite reunida na sede nacional do partido, em Lisboa, para aprovar as listas de candidatos a deputados para as próximas eleições legislativa de outubro. Um escrutínio que decorreu com votações entre os 80 e os 92%, uma percentagem de aprovação que para o presidente do partido, Carlos César, constituiu um “momento de grande afirmação da unidade do PS e de renovação da sua energia e entusiasmo”.

Carlos César salientou que o PS está a cumprir todas as etapas com que se comprometeu com os seus militantes e com o país, recordando que com a aprovação do programa eleitoral no passado sábado, que contou “com uma participação muito vasta de quadros independentes e qualificados e com o contributo da sociedade civil”, o processo agora concluído da aprovação das listas de candidatos “habilita o PS, como nenhum outro partido”, a apresentar-se junto do eleitorado com total credibilidade.

O que também resulta, como acrescentou, de um programa baseado numa “experiência de Governo bem-sucedida”, mas igualmente alicerçado na vontade de inovar e de acolher novos contributos e novas pessoas para “prosseguir de forma vitoriosa com a confiança dos portugueses”.

Carlos César fez ainda questão de observar que o PS tem nas suas listas diversas “personalidades com um vasto domínio” nas mais diversas matérias, dando concretização a um trabalho “muito participado” para “construirmos um programa sólido, escolhendo os melhores para o Governo e para o Parlamento”.

 

 

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019