867

19 Nov 2018

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

Ana Catarina Mendes
PS apresenta-se ao país com promessas honradas, bons projetos e bons protagonistas
AUTOR

Partido Socialista

DATA

19.09.2017

FOTOGRAFIA

DR

PS apresenta-se ao país com promessas honradas, bons projetos e bons protagonistas

A Secretária-geral adjunta do PS, Ana Catarina Mendes, afirmou ontem, em Almada, que o Partido Socialista pode orgulhar-se de se apresentar nas próximas eleições autárquicas, em todas as freguesias e concelhos do país, com projetos e bons protagonistas, e sobretudo com a certeza dos portugueses de que honra os seus compromissos.

 

“Portugal vai ter a maior redução dos últimos 19 anos da dívida anual. Isto é obra do PS, e nós socialistas temos de estar orgulhosos”, sublinhou a dirigente socialista, notando a manifesta dificuldade com que os partidos da direita têm lidado com as boas notícias para o país, perante a evidência do cumprimento dos objetivos orçamentais, da devolução de rendimento às famílias e da recuperação do crescimento e do emprego.

Uma dificuldade, salientou, que voltou a ficar patente este fim de semana, com o “virar da página do ‘lixo’” na avaliação da agência de notação financeira Standard & Poor's da dívida portuguesa. “Para infelicidade da direita e do doutor Passos Coelho”, comentou.

Para o PS, as boas notícias para o país, como o crescimento da economia ou a subida de emprego, “significam acima de tudo” que o partido “está aqui a honrar as promessas que fez nas eleições legislativas”, sustentou Ana Catarina Mendes, falando em Almada, onde a candidatura socialista de Inês de Medeiros apresentou o seu programa para a autarquia local.

“O PS está aqui para dizer que se candidata a todas as freguesias, a todos os concelhos deste país, com projetos, bons protagonistas, e para uma grande vitória no próximo dia 1 de outubro. O país precisa, as terras precisam do PS e dos seus protagonistas", enfatizou a dirigente socialista.

 

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1411
Maio 2018