1069

18 Out 2019

| diretora: Edite Estrela

EDIÇÃO DIGITAL DIÁRIA DO ÓRGÃO OFICIAL INFORMATIVO DO PARTIDO SOCIALISTA

#SomosEuropa
Pedro Marques presente nos Açores
AUTOR

Partido Socialista

DATA

23.04.2019

FOTOGRAFIA

dr

Pedro Marques presente nos Açores

O cabeça de lista do PS ao Parlamento Europeu, Pedro Marques, dedicou o dia de segunda-feira a um conjunto de visitas e iniciativas realizadas na Região Autónoma dos Açores, contactando de perto com alguns exemplos de referência dos setores produtivos da região, numa deslocação que culminou com a participação num jantar comemorativo dos 46 anos da fundação do Partido Socialista, em Angra do Heroísmo.

 

A manhã foi dedicada, essencialmente, ao setor agrícola, com visitas à Cooperativa do Bom Pastor e à Unileite, na ilha de São Miguel, testemunhando, na companhia do candidato açoriano André Bradford, “o empenho e a qualidade da produção local como uma grande mais-valia que os Açores têm para oferecer”.

Na parte da tarde, Pedro Marques visitou a Central Geotérmica do Pico Alto, na Terceira, “um exemplo nacional de produção de energia renovável”, que o candidato destacou ainda como “um contributo para a descarbonização e sustentabilidade”. Nesta visita, o cabeça de lista do PS esteve acompanhado pelo presidente do PS/Açores, Vasco Cordeiro, pela deputada eleita pela região à Assembleia da República, Lara Martinho, e pelos deputados do Grupo Parlamentar socialista açoriano.

 

Votar nos Açores é votar no PS

Já em Angra do Heroísmo, Pedro Marques esteve presente no debate público ‘Os desafios dos Açores na Europa pós-2020’, onde os desafios da região, as perspetivas financeiras para o horizonte 2021-2027, a resposta da esquerda europeia perante o crescimento dos movimentos extremistas e nacionalistas, a par da necessidade de recolocar os cidadãos no centro do projeto europeu, foram os temas em destaque.

“A defesa das pessoas no centro deste projeto de construção europeia só é garantida de forma inequívoca e clara pelo Partido Socialista, no caso de Portugal, exatamente porque é o Partido Socialista que se tem caracterizado, como partido e ao nível dos órgãos de poder onde está presente, por essa defesa, por essa prática e por essa ação”, salientou, na abertura do debate, o presidente dos socialistas açorianos.

“Votar nos Açores no próximo dia 26 de maio é votar no Partido Socialista. Tão simples, tão claro quanto isso”, afirmou Vasco Cordeiro.

Os 46 anos do Partido Socialista foram ainda pretexto para um jantar de confraternização, no Edifício Cultural de São Bento, juntando militantes e simpatizantes açorianos, a que Pedro Marques se associou, encerrando assim, em nota elevada, a sua deslocação à região.

AUTOR

Partido Socialista

DATA

23.04.2019

Capa Edição Papel
 
EDIÇÃO Nº1414
Agosto 2019